Uma proposta dialógica para o ensino de Astronomia e Física para alunos da modalidade da Educação de Jovens e Adultos de Vitória a partir de uma problematização do tema “meteoros”.

Nome: Estevão Prezentino Sant'Anna
Tipo: Dissertação de mestrado profissional
Data de publicação: 24/08/2017
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Sergio Mascarello Bisch Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Geide Rosa Coelho Examinador Interno
Luiz Otávio Buffon Examinador Externo
Sergio Mascarello Bisch Orientador

Resumo: Este trabalho foi realizado com alunos da mo dalidade EJA da cidade de Vitória no Espírito Santo
e teve como objetivo elab orar e analisar os resultados da aplicação de uma prop osta p edagógica
para estudantes dessa mo dalidade, referenciada nos Três Momentos Pedagógicos (3MP), para o
ensino de Astronomia e Física a p artir de uma problematiza çã o do tem a “meteoros e seus riscos
para a vida na Terra”. Durante a aplicação da prop osta, inicialmente foi feito um ma p eamento
dos conceitos prévios dos alunos sobre os meteoros, a comp osi çã o e estrutura do Sistema Solar
e o conceito de energia. Além da ab ordagem temática, ini ci ada com uma problematização
do tema “meteoros e s eu s riscos para a vida na Terra”, o trabalho tamb ém incluiu a uma
discussão da comp osição e estrutura do sistema solar e envolveu a apl icação do conceito
físico de energia. Com a aplicação da prop osta, avalia mos a evolução das concep çõ es d os
estudantes sobre o sistema solar, meteoros e energia e de su as atitudes com rela çã o a uma
maior dia logicidade, visão crítica e autonomia. Os instrumentos de coleta de dados utilizados
foram: questionário ab erto e likert, pré e p ós-ativi dade, representação do sistema sol ar em
desenhos numa folha A4, antes e dep ois das atividades, construção de mo delos tridimensionais
do sistema solar, tamb ém antes e ao final da prop osta didática, junto com a realização de
apresentaçõ es e a nálises coletivas dessas constr uçõ es r ealizadas em grup o, para que os membros
externassem e d iscutissem coletivamente seus conhecimentos, e diário de b ord o feito p elo
professor, além das aulas gravadas em vídeo ou áudio. Verificou-se que os alunos se achavam
ap egados a representaçõ es artísticas que, em larga escala, são divulgadas nos livros didáticos e
p ela internet, mas que não representam adequ adamente o sistema solar e in duzem a concep çõ es
alternativas com erros de dimensionamento, p osi çã o, espacialidade e até na comp osição. As
concep çõ es q uanto à quantidade de pla netas, satélites naturais e estrelas no Sistema Solar
tamb ém apresentaram grande discrepância com os d ados reais. Alguns alunos representaram
o Sistema Solar com o limite nas nuvens como se o nosso sistema estivesse entre o céu e
a Ter ra, numa representação claramente baseada em uma con cep ção religiosa. Verificamos,
nos dados p ós, que muitos alunos mudaram suas concep çõ es, mas algumas parecem estar
tão arraigadas que não se alteraram. Através da análise das gravaçõ es e diár ios foi p ossível
verificar a promo ção de maior a utonomia e vis ão crí ti ca sobre o que são os meteoros e os
p ossíveis riscos que r epresentam para vida na Terra, a partir das atividades realizadas. Foi
p ossível p erceb er que os alunos que previam en te p ossuíam grande medo de errar , ao final não
mais os apresentavam, mostrand o maior confiança e indep endência.

Acesso ao documento

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras | Vitória, ES -Brasil | CEP 29075-910